A tarja rosa

Um aviso: Não temos respostas. Temos novas perguntas.


1 comentário

Imagens que falam

Sem título

Um vídeo começou a ser espalhado na internet há mais ou menos uma semana e já foi visto por mais de 4 milhões de pessoas. E até há alguns dias atrás, não se sabia se era um viral publicitário ou apenas um apelo por atenção para mais um caso de violência contra a mulher.

No filme, intitulado “Uma foto por dia no pior ano da minha vida”, uma mulher se fotografa a cada dia de seu ano, e em algumas fotos ela está machucada, logo de cara ele mexe com quem vê e se transforma num pedido de socorro. No final do vídeo, a mulher segura um cartaz onde está escrito em croata que se trata de uma campanha contra a violência doméstica às mulheres.

O post publicado por mim no dia internacional da mulher dá uma ideia de como a violência contra a mulher é um doença grave e sem previsão de cura na sociedade.

Isso não é “privilégio” do Brasil, na Croácia, a violência doméstica piorou ainda mais depois do fim da guerra da Bósnia (1995), que detonou aumento de casos de alcoolismo, desemprego e uso de drogas pelos homens. Aproximadamente 41% da população feminina diz já sofreu algum tipo de violência.

Sempre vale a pena fazer mais um movimento para mobilizar a opinião pública mundial, a respeito de um problema quase tão velho quanto a humanidade.

Leia mais aqui, e aqui.

Veja o vídeo:

Anúncios